registo

o registo na plataforma de encomenda é exclusivo para arquitectos inscritos na ordem dos arquitectos ou outra associação congénere.

Centro de formação e comando territorial GNR, Portalegre - Assessoria OA-SRALT

concurso

Centro de formação e comando territorial GNR, Portalegre - Assessoria OA-SRALT

data de entrega 2022-10-24
promotor Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna
localização Portalegre
programa Equipamento
área 17,000m²

descrição

Propostas até 24 de outubro de 2022
 
O concurso de conceção para a elaboração do projeto do Centro de Formação e Comando Territorial da Guarda Nacional Republicana em Portalegre, é promovido pelo Ministério da Administração Interna, representado pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (SGMAI) e conta com a parceria da Guarda Nacional Republicana e a assessoria técnica da OA-SRALT.
 
O concurso é lançado no âmbito da inscrição na Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos para as Forças e Serviços de Segurança da Administração interna, assumindo-se como oportunidade para a celebração da produção de cultura arquitetónica na contemporaneidade.
 
A intervenção arquitetónica do centro de formação e comando territorial da GNR, visa o funcionamento de um “estabelecimento de ensino” e uma “unidade militar”, cuja missão compreende o ensino e promoção da segurança pública, manutenção da ordem e proteção da propriedade pública e privada em todo o território português, designadamente nas áreas mais rurais de Portugal Continental.
 
Esta intervenção, para além do incremento do desenvolvimento do território, visa também, a promoção e valorização os cursos ministrados neste Centro e a própria qualidade do ensino.
 
Valor máximo para o custo da obra: € 36.945.000,00 + IVA
Valor base: € 1.036.000,00 + IVA
 
Prémios
1.º classificado: €25.000,00 (vinte e cinco mil euros);
2.º classificado: €15.000,00 (quinze mil euros);
3.º classificado: €10.000,00 (dez mil euros);
4.º classificado: €5.000,00 (cinco mil euros);
5.º classificado: €5.000,00 (cinco mil euros).
 
Júri
Membros efetivos:
- Arq.º Miguel Úria, indicado pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna, que preside;
- Coronel Eng.º António Veríssimo, indicado pela GNR;
- Arq.ª Maria de Jesus Pires, indicada pela Câmara Municipal de Portalegre;
- Arq.º Paulo Mata, indicado pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna;
- Arq.º João Luís Carrilho da Graça, indicado pela Secção Regional do Alentejo da Ordem dos Arquitectos.
 
Suplentes:
- Arq.ª Filipa Cartaxo, indicada pela Secretaria- Geral do Ministério da Administração Interna;
- Capitão Eng.º José Almeida, indicado pela GNR;
- Arq.º Gonçalo Alegre, indicado pela Câmara Municipal de Portalegre;
- Arq.º João Maria Ventura Trindade, indicado pela Secção Regional do Alentejo da Ordem dos Arquitectos.
 
Critérios de seleção
> Qualidade arquitetónica - 50%
- Inovação espacial - 25%
- Integração paisagística e urbana - 25%
 
> Funcionalidade - 30%
- Articulação entre espaços funcionais e organização dos respetivos circuitos - 15%
- Relação interior/ exterior - 15%
 
> Preocupações ambientais - 20%
- Sustentabilidade da solução arquitetónica e paisagística - 10%
- Custos de manutenção - 10%
 
Cronograma
Data limite para pedidos de esclarecimento: 3 de agosto de 2022 (23:59)
Data limite para respostas aos pedidos de esclarecimento: 12 de setembro de 2022 (23:59)
Data limite para entrega de propostas: 24 de outubro de 2022 (17:00)
 
Plataforma eletrónica
https://community.vortal.biz/sts/Login
 

documentação